O Voando em Moçambique é um pequeno tributo à História da Aviação em Moçambique. Grande parte dos seus arquivos desapareceram ou foram destruídos e o que deles resta, permanecem porventura silenciosos nas estantes de muitos dos seus protagonistas. A História é feita por todos aqueles que nela participaram. É a esses que aqui lançamos o nosso apelo, para que nos deixem o seu contributo real, pois de certo possuirão um espólio importante, para que a História dessa Aviação se não perca nos tempos e com ela todos os seus “heróis”. As gerações futuras de certo lhes agradecerão. Muitos desses verdadeiros heróis, ilustres aventureiros desconhecidos, souberam desafiar os perigos de toda a ordem, transportando pessoas e bens de primeira necessidade ou evacuando doentes, em condições meteorológicas adversas, quais “gloriosos malucos das máquinas voadoras”. Há que incentivar todos aqueles que ainda possuam dados e documentos que possam contribuir para que essa História se faça e se não extinga com eles, que os publiquem, ou que os cedam a organizações que para isso estejam vocacionadas. A nossa gratidão a todos aqueles que ao longo dos tempos se atreveram e tiveram a coragem de escrever as suas “estórias” e memórias sobre a sua aviação. Só assim a História da Aviação em Moçambique se fará verdadeiramente, pois nenhum trabalho deste género é suficientemente exaustivo e completo. A todos esses ilustres personagens do nosso passado recente que contra tudo e todos lutaram para que essa história se fizesse, a nossa humilde e sincera homenagem.

A eles dedicamos estas linhas.

José Vilhena e Maria Luísa Hingá

========================

Quem tiver fotos e/ou documentos sobre a Aviação em Moçambique e os queira ver publicados neste blogue, pode contactar-me pelo e-mail:lhinga@gmail.com

=======================

Por motivo alheio algumas das imagens não abrem no tamanho original. Nesse caso podem selecionar “abrir imagem num novo separador” ou “Guardar imagem como…”.

01/04/08

442-Significado do Logotipo do Voando em Moçambique

Significado do Logotipo, segundo o autor.
As iniciais VM aladas, símbolo aviação e aviadores, com 2 tonalidades diferentes, sendo a primeira representativa do Capim (mais clara) e a segunda da terra castanho-dourado (mais escura).

A atravessar centralmente o VM alado uma das setas das Armas Maiores do Moçambique Português, na sua posição descendente, e que representa todas as sete do seu escudo.

Escudo esse que passa a ser o escudo com formato tribal, símbolo do expoente máximo almejado por qualquer jovem nativo - o de se tornar guerreiro - neste caso, um guerreiro dos céus.
O fundo em tons de Jade invoca a preciosidade do país.

O meu Obrigado ao Cte. Vilhena por me ter surpreendido com o Logotipo, que a partir de hoje faz parte do cabeçalho deste blog e a Luís Pereira, o autor do design do Logo.

Gostava de saber a opinião dos frequentadores deste blogue.

6 comentários:

Jorge Cruz disse...

Luisa, em complemento ao meu mail, depois de me identificar com o "VOANDO EM MOÇAMBIQUE", GOSTEI DO QUE VI E É BOM QUE MUITOS OUTROS TOMEM CONTACTO COM O SITE PARA O ENRIQUECER DE NOVIDADES DO PASSADO.
DO MEU LIVRO ESPERO QUE GOSTE, E LHE RECORDE TEMPOS, LOCAIS E PESSOAS INESQUECÍVEIS.
OS TEMPOS DE AGORA SÃO OUTROS, MAS OS QUE SE VIVERAM EM CADA ÉPOCA NÃO DEVEM SER ESQUECIDOS, VALENDO A CONJECTURA VIVIDA E A COMPREENSÃO QUE O PASSAR DOS TEMPOS NÃO DEVE BRANQUEAR.
SAUDAÇÕES AERONÁUTICAS
JORGE CRUZ GALEGO

Fado Alexandrino disse...

Excelente trabalho no logo e no blog.

Ricardo Quintino disse...

Luísa,

Os meus parabéns ao Cte. Vilhena, Luís Pereira e a si como Administradora deste Blogger, por mais esta iniciativa louvável do novo Logotipo do VM.

abraço

R. Quintino

carlosschmidt disse...

Muitos parabens aos autores do novo logo, está excelentemente executado.

Tito Xavier disse...

Luisa:
Os meus parabéns pelo magnífico trabalho. Quanto ao logo parece-me particularmente feliz e bem ligado á nossa terra.Julgo ter descoberto algo ligado á chegada do primeiro Presidente da República a visitar Moçambique- Marechal Carmona- em 1939. Até breve.
Tito Xavier

Luisa Hingá disse...

Eu ainda não agradeci estes comentários, mas como sabem eles chegam-me automaticamente via e-mail e acreditem é muito bom ver o vosso estímulo. Muito obrigada.
Abraços

PS: Cte. Tito Xavier fico a aguardar.
Obrigada